• Baía de Paranaguá
  • Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina

Sobre o Plano

O Programa de Comunicação Social integra um escopo visando atendimento das condicionantes emitidas pelo IBAMA na Licença de Instalação – LI nº 834/2011. A elaboração do Programa de Comunicação baseia-se nos itens da LI citada e no Plano de Controle Ambiental do Porto de Paranaguá.

Para a elaboração deste foram analisados os estudos ambientais desenvolvidos para licenciamento das ações de dragagem e informações obtidas em reuniões iniciais de trabalho ocorridas entre DTA Engenharia e APPA.

Objetivos

O objetivo do Programa de Comunicação Social é criar um canal de relacionamento contínuo entre o empreendedor e a sociedade, especialmente a população afetada diretamente pela atividade de dragagem de manutenção do canal de acesso ao Porto de Paranaguá nessa primeira fase, que abrange os trechos denominados Alfa, Bravo 1 e Bravo 2.

Neste grupo incluem-se tanto os trabalhadores da draga quanto a população mais diretamente afetada pela atividade, os pescadores artesanais de Paranaguá e Pontal do Paraná, mapeados no Relatório de Controle Ambiental da Regularização Ambiental do Porto de Paranaguá.  Desta forma, busca-se

  • promover um conjunto de ações que contribuam para evitar a divulgação de informações equivocadas;
  • esclarecer dúvidas da população;
  • promover um bom relacionamento entre o empreendimento e a população do entorno;
  • implantar mecanismo formal de escuta e resposta às reclamações, sugestões e solicitações das comunidades vizinhas;
  • além de auxiliar na divulgação da quantidade e do perfil da mão de obra necessária ao empreendimento.
 
Este Programa também será fundamental para o sucesso do Programa de Educação Ambiental. Seu alcance e abrangência deverão assegurar que as ações de Educação Ambiental propostas adiante possam atingir, conscientizar e mobilizar o maior número de participantes possíveis.
 
 
 
Recomendar esta página via e-mail: